Como proteger o carro que fica no sol e na chuva

Como proteger o carro que fica no sol e na chuva?

Nem todos os brasileiros têm uma garagem coberta para deixar seu veículo. Muitos apartamentos, por exemplo, possuem vagas numeradas em locais sem cobertura. Além disso, está cada vez mais difícil encontrar vagas cobertas para estacionar o carro, seja no trabalho ou em passeios.

A única alternativa se torna deixar o carro ao relento, sob risco de sol e chuva. Mas todos sabemos que isso pode danificar a pintura do veículo com o tempo. Então, o que fazer para proteger o carro que fica no sol e na chuva?

É o que você verá no post de hoje. Então, anote essas dicas e cuide bem do seu veículo para que a pintura dele dure muito mais tempo!

 

Protegendo o carro que fica ao relento

1 – Enceramento

O carro que fica no sol recebe alta incidência de raios UV. Com o tempo, isso pode danificar a pintura, ressecando, desbotando e mudando seu aspecto. A chuva constante também pode ter o mesmo efeito, deixando o carro manchado em certos pontos ou até em toda a sua pintura.

Uma das formas de proteger o carro que fica no sol e na chuva é com a aplicação de ceras frequentemente. Entretanto, vale a pena ressaltar que não pode ser utilizada qualquer cera. A cera deve apresentar alta qualidade, ou será apenas mais um problema.

Uma cera de longa duração é necessária, pois é a que protege melhor. Além de ser mais espessa e oferecer maior proteção, ela também dura mais tempo, o que evita que você seja pego desprevenido pela falta de enceramento.

O momento ideal de encerar o carro é quando sua pintura perde o brilho, ficando opaca e sem vida mesmo após uma lavagem. Outra forma de verificar que o carro precisa ser encerado novamente é através da água. Quando a cera está na lataria, as gotículas de água ou chuva escorrem com facilidade.

Se seu carro estiver retendo a água que fica em sua superfície, já está na hora de renovar o enceramento e a proteção da lataria.

 

2 – Lave e seque sempre

Deixar o carro secar com o tempo é uma má ideia. A água que seca no tempo pode conter poeira ou sujeira. Além de deixar o carro marcado e manchado, isso ainda pode contribuir com a oxidação, se a pintura do carro não estiver protegida.

Por isso, uma das formas de proteger o carro que fica ao relento é sempre lavar e secar logo em seguida, com um pano macio. Se possível, faça a lavagem sempre na sombra, para evitar que o sol seque a água e deixe a lataria manchada.

Utilize somente produtos próprios para lavagem automotiva e nunca utilize solventes ou outros produtos químicos abrasivos que possam danificar a pintura. Após a lavagem e a secagem, é o momento ideal para passar a cera.

 

3 – Cristalização

A cristalização é um processo que visa a proteção do verniz original do veículo. Utilizando uma resina protetora, ela deixa a pintura do carro com aspecto mais bonito, além de proteger sua superfície contra várias intempéries, como a exposição ao sol e à chuva, além de danos causados por contato com outras superfícies, incluindo as mãos e objetos diversos.

A cristalização é semelhante ao enceramento, mas pode durar até 6 meses, dependendo dos cuidados que forem dados ao veículo posteriormente. Sem dúvidas, é uma das formas de proteger o carro que fica no sol e na chuva e evitar que o tempo danifique a pintura.

 

4 – Vitrificação

Mais uma forma de proteger o carro que fica no sol e na chuva é optando pela vitrificação. Este procedimento é uma espécie de prevenção e só pode ser realizado em veículos que não apresentem nenhum dano em sua pintura.

Isso porque a vitrificação forma uma película superprotetora na superfície do carro, isolando a pintura. Em outras palavras, o que está fora não entra, mas o que estiver dentro também não sai. Por isso, se seu carro possui alguma imperfeição, pode ser necessário realizar um polimento antes da vitrificação.

Através da aplicação de uma resina sílica vítrea, ou vidro líquido, a camada de proteção formada pela vitrificação pode durar até 3 anos, dispensando o enceramento e a cristalização durante todo esse período.

Ela protege contra ação do sol, da chuva, da poeira, de fezes de pássaros e seiva de árvores, além do contato com as mãos e objetos. É uma das melhores formas de proteger o carro que fica ao relento sem precisar se preocupar muito com o restante.

Se você quiser garantir sua vitrificação agora mesmo, fale com a Garret e verifique as condições que seu carro deve atender. Lembre-se: se houver alguma imperfeição, será necessário cuidar dela primeiro para garantir que o resultado final será impecável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
WhatsApp chat