Mecanica Garret - Notícias da Garrett
41 3026.5155
  • 5 Profissionais capacitados, Atendimento personalizado

Dê nova vida ao seu carro


Técnica importada do Japão protege a pintura do veículo contra sujeiras pesadas e ações do tempo, mantendo o brilho original por mais tempo. Produto age como autolimpante nos dias de chuva

  





Nem todo o motorista tem paciência, e tempo, para lavar o carro. Prefere um lavajato ou então deixar por semanas aquela camada de poeira e sujeira até, finalmente, criar coragem e, num sábado ou domingo pela manhã, munido com balde de água, xampu e cera automotiva, recuperar o brilho da lataria à custa de muito trabalho.

Para esse tipo pessoa que não encara a limpeza do veículo como uma terapia, já existe no mercado uma técnica capaz de transformar a tarefa em uma prática esporádica, sem que isso comprometa o visual limpo do carro. Conhecida lá fora como ultra glass coating (ou super revestimento para o vidro, numa tradução livre), no Brasil ganhou o nome de vitrificação de pintura automotiva. Trata-se de uma resina de polissilazano (polímero muito durável e resistente), que, aplicada sobre a carroceria do veículo (por cima do verniz), funciona como uma segunda pele, protegendo-a contra sujeira pesada e eventuais riscos.
O produto foi desenvolvido pela japonesa Three Bond e hoje é oferecido no Brasil por empresas autorizadas, como a Garret – Centro de Reparação de Veículos, de Curitiba, representante master da marca asiática na capital e responsável por novos licenciados. Segundo o diretor de logística da Garret, Volney Darcy Bernardes, a vitrificação seria uma evolução do espelhamento e da cristalização, com a vantagem de não exigir produtos químicos (como cera e líquidos polidores) para manter o brilho da lataria.

Usa-se apenas água e sabão neutro durante a lavagem. Isso caso a chuva e/ou o vento não se encarregue de eliminar as sujeiras, uma vez que o produto age como autolimpante, retardando a limpeza do carro, explica o diretor. A aplicação única tem “vida útil” de até três anos, com um gasto a partir de R$ 360, dependendo do tamanho do automóvel.
No pacote da vitrificação também está incluída a cristalização do para-brisa, que, de acordo com Bernardes, repele a água, permitindo boa visibilidade em dias de chuva e protege o vidro contra manchas de oleosidade. A durabilidade é de no mínimo 5 meses e uma nova aplicação sairá por R$ 30.
A vitrificação pode ser aplicada em todo o tipo de veículo, seja ele novo ou usado. O diretor recomenda fazê-la assim que retirar o carro zero-quilômetro da concessionária, ou mesmo antes dependendo da revenda escolhida – lojas dos grupos Servopa, Barigüi e Florença trabalham com empresas licenciadas pela Garret.
Nos veículos usados que apresentam danos na lataria (riscos ou amassados), é feita uma avaliação preliminar. Se a avaria for superficial (pequenos arranhados), ela sumirá no polimento realizado durante o processo de vitrificação. Agora, se for mais profunda, aí será necessária a correção com uma repintura e, consequentemente, um acréscimo no custo final do serviço.
A técnica importada do Japão também é indicada para os veículos clássicos e antigos, nos quais o zelo é bem maior por parte dos proprietários. “Ela previne a oxidação e a maresia e também manchas que surgem com a incidência de raios solares”, diz o importador do produto.
Se o dono quiser pode complementar o cuidado com o carro protegendo também as rodas. Elas recebem uma espécie de vitrificação, que reduz a aderência da sujeira, principalmente aquela de cor escura ocasionada pelo fluido dos freios. O preço pelo serviço é R$ 25 cada roda e sua eficiência dura até 12 meses. Já as peças plásticas internas e externas podem ser revitalizadas à cor natural ao custo de R$ 30. A durabilidade alcança 6 meses.

Saiba mais
Para que a película protetora dure por três anos, é fundamental utilizar apenas água e sabão neutro para remover as sujeiras e manter o brilho original.
Processo
O serviço de vitrificação demora apenas 1 dia. Primeiramente, o veículo é lavado com água e sabão. Após a secagem, é feito o polimento até atingir o nível de espelhamento, porém sem agredir o verniz. Em seguida a lataria é vitrificada. O trabalho será finalizado com uma nova lavagem e limpeza do carro. O cliente sairá com o Selo e o Certificado de Aplicação.
Licenciados
Em Curitiba, além da Garret, a vitrificação é feita pelas empresas licenciadas UGC (3027-2023) e Valter Volpe (9231-4541). 


Garrett na Rede

Localização:
Rua Deputado Waldemiro Pedroso, 244
Novo Mundo - 41 3026.5155
desenvolvido e hospedado por: fixtofix.com